7 de setembro de 2014

125-3!!!

Sexta-feira, realizaram-se eleições para a Federação Distrital do PS. Ganhou José Miguel Medeiros (JMM) por 7 votos (618-611).
Em Pombal, o resultado foi – imagine-se – 125 – 3 (a favor de JMM)!!!

Desiludam-se uns e reconfortem-se outros: o PS de Pombal não mudará, nada, no tempo de vida dos que agora podiam votar.

27 comentários:

  1. Amigo e companheiro Adelino Malho, boa noite.
    Obrigado pela informação.
    Os meus sinceros parabéns ao amigo José Miguel Medeiros.
    Todavia o António Costa que se cuide.
    Abraço

    ResponderEliminar
  2. Diz-se na gíria, valente "chapelada". Mas 128 votantes é sinal de muita participação e dinamismo. Parafraseando quem me precedeu nos comentários, "fico contente" com tanta actividade política.

    ResponderEliminar
  3. Amigos e Companheiros ( Eng. Marques e José Guardado), como não podem votar nas primárias por serem militantes dos Partidos de "Direita" eu na qualidade de independente, mas simpatizante da Candidatura do António Costa, la estarei dia 28 para dar o meu voto e até la todo o meu apoio as acções de campanha da Candidatura. Portugal precisa de sair deste estado NEOLIBERAL e CAPITALISTA

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Roque, então isso significa que António Costa pretende um Estado Socialista, com Economia Mista, tipo a China ou a Venezuela? Estou a perguntar inocentemente, não tenho côr política, apenas curiosidade.

      Eliminar
    2. Sr. Eduardo, se viu o debate de ontem deve ter ficado elucidado sobre as propostas do António Costa.

      Eliminar
    3. Boa tarde.
      Caro Roque, não me interprete mal, vi e fiquei na mesma. Não lhes acho diferença alguma, basicamente têm as mesmas perspectivas. Andam ali no centro-esquerda, e não saem dali. Para não desiludirem em quem neles vota. É sempre assim...
      Eu fiz o meu comentário, porque achei que o seu comentário poderia mesmo ser o tal «murro na mesa» de que é mesmo necessário dar ao País!
      Eu até concordo com o seu comentário: existe excesso de Corporativismo! Que a História sempre se encarregou de demonstrar que é um rumo errado. Onde o Mundo mais cresceu, foram em Países equilibrados entre Socialismo e Corporativismo, com as vantagens inerentes de ambas as partes opostas. No meio-termo residiu o avanço. Se olharmos para Países de Economia totalmente comunistas ou totalmente corporativistas, os resultados foram sempre medíocres. Resultam sempre em políticas sociais déspotas, totalitárias.
      Com toda a sinceridade, perguntei se Costa vai mesmo optar em inverter o barco, e aproximar-se de modelos Económicos semelhantes ás do Sri Lanka, por exemplo.

      Eliminar
    4. E que tal seguir o exemplo da Islândia? Claro adaptado á dimensão do buraco financeiro Português. Quem comete crimes economicos não pode ficar impune. Se necessario prender governantes e políticos. Criar uma justiça realmente eficaz. Forte com os fracos e igualmente com os fortes.

      Eliminar
    5. Boa noite.
      Caro Roque, esse será um bom exemplo, sobretudo se for dado o exemplo de Justiça : os culpados da crise sistémica em 2008 estão, ou foram, presos. A nível económico, de facto, lá vem a história mal findada do Liberalismo Económico - não houve controle nenhum, o Estado não interveio nada na Economia, e depois foi o colapso. (excesso de Corporativismo)
      Mas sabe o que eles fizeram? Não salvaram os bancos falidos, nem impuseram medidas de austeridade!! Que diferença para Portugal...
      Por fim, é curioso que dê o exemplo da Islândia a nível político: no poder está a Esquerda, toda unida. Digamos que no poder da Islândia está o PS+PCP+BE. Interessante...será que em Portugal essa fórmula resultaria?

      Eliminar
    6. Infelizmente a esquerda em Portugal dificilmente será unida, pois ha Partidos de esquerda em Portugal que só se sentem confortáveis na oposição... Dizer mal é mais facil do que trabalhar para construir algo. Penso que talvez o António Costa consiga fazer algumas pontes de entendimento com o sector menos conservador do PCP, mas até lá ainda vai correr muita tinta

      Eliminar
  4. Amigos e companheiros, boa noite.
    Eu tinha encerrado este dossier.
    Todavia, hoje, o Diário de Leiria traz dados novos.
    Parece que houve desconformidades nas Mesas de Voto e quem ganhou foi o candidato apoiante do Antonio Seguro.
    Bem me parecia, apesar de eu gostar mais do amigo José Miguel Medeiros.
    Tenho medo dos médicos ortopedistas.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olhe que não Sr. Eng.... Olhe que não... É tudo resultado de mau perder por parte dos apoiantes do Seguro. Eles andam nervosos, assim como os Srs do PSD. O António Costa, como dizia ontem o seguro, vai espreitando da janela do Município, para ganhar o Partido e depois o País.

      Eliminar
  5. Fico triste de ver que numas eleições para a Federação Distrital do PS o valor dos candidatos seja medido por quem apoia para as eleições directas.

    Valham-nos as eleições directas para separarmos esse assunto do resto. É também uma oportunidade (mais uma) dos cidadãos (neste caso simpatizantes do PS) manifestarem-se individualmente depois duma decisão colectiva.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro João, na minha óptica, é essa mesmo: valha-nos as directas. Pode ser o começo de algo diferente...na nossa bem Portuguesa «representitividade».

      Eliminar
    2. Amigo e companheiro João Coelho, boa noite.
      Não fiques triste.
      Se no próximo dia 19 fores votar para a Federação Distrital, sai da tua zona de conforto e vota num candidato apoiante do António Seguro.
      Assim é mais seguro a vitória plena.
      Abraço

      Eliminar
    3. Porque será que os mais fervorosos adeptos do Seguro sejam os militantes do PSD ?

      Eliminar
  6. Em Pombal, pelos vistos, os militantes do PS gostam do "status quo". Acumulam resultados absolutamente miseráveis mas continuam a querer ser representados pelos "do costume"!
    Serão masoquistas?

    ResponderEliminar
  7. Eu não sou simpatizante do PS, por isso não voto nas primárias. Se fosse e votasse, seria no António Costa. Mas já apostei, publicamente até (certo, JGF e RM?), que a vitoria iria sorrir ao Seguro. O que, a meu ver, revela um dos graves problemas dos partidos políticos. O poder cai inevitavelmente nas mãos dos caciques, do "controlo do aparelho partidário", das jogadas de bastidores. O que, inclusivamente, contraria o espírito de umas primárias, parece-me.
    Poderei estar enganado (saberemos em breve), mas aqui fica a minha aposta. E cheira-me também que este vai ser um mês bom para as empresas que alugam autocarros. E para o recebimento de quotas e captação de novos militantes, no PS. Uma alegria...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gabriel.... Não esperava este teu comentário, pois deves saber que para votar nas primárias não precisas de pagar quotas nem ser militante. No conforto do teu sofá acedes ao https://www.psprimarias2014.pt/#form, preenches todos os campos e reúnes os requesitos necessários:
      Declaro que pretendo inscrever-me como simpatizante no processo eleitoral de designação do candidato do Partido Socialista ao exercício do cargo de Primeiro-Ministro, cujo sufrágio terá lugar no dia 28 de Setembro de 2014, concordando com a inclusão do meu nome e outros dados pessoais nos cadernos eleitorais.

      Declaro que concordo integralmente com a Declaração de Princípios do Partido Socialista aprovada pelo XIII Congresso do PS em Novembro de 2002 e que não me encontro filiado em qualquer outro partido político.

      Autorizo que os dados pessoais constantes da presente ficha de inscrição sejam fornecidos às candidaturas para efeitos de envio de comunicações de natureza política no âmbito do processo eleitoral de designação do candidato do Partido Socialista ao exercício do cargo de Primeiro-Ministro.
      Depois basta dirigires-te á sede do PS de Pombal com o teu cartão de cidadão e Votar. Como podes ver nada mais claro e simples do que este processo. Portanto isso de falares em caciques, camionetas e outras coisas mais só deve ser influencias do "Cortinas de fumo" Abraço

      Eliminar
  8. Roque, eu é que não percebo o teu comentário. Comecei por escrever "não sou simpatizante do PS, por isso não voto nas primárias". Ser simpatizante é condição sine qua non para votar nas primárias, como aqui transcreveste tu próprio. Condição não verificável, mas condição. Uma obrigação moral, se quiseres. E que eu não cumpro...

    ResponderEliminar
  9. Sinceramente espero que o efeito do expediente "autocarros para os velhinhos" ou do expediente "quotas pagas para os esquecidos da carteira e para os defuntos" já tenha sido ultrapassado pelo efeito dos simpatizantes que já lá vão votar com mais responsabilidade que os outros. Compreendo o receio de manipulação da verdade eleitoral dentro dos partidos, gostava de perceber que desta vez isso não será possível.

    ResponderEliminar
  10. Seria muito positivo para a democracia e para uma outra forma de olhar para os partidos. Ainda não acredito, mas partilho do teu desejo, João. E espero estar enganado.

    ResponderEliminar
  11. É impressão minha ou os comentários passam, deliberadamente, ao lado do objecto do post?

    Neste, o autor comenta o anormal resultado nas eleições para a Federação Distrital do PS, os comentários versam sobre as primárias do próximo dia 28.

    E na verdade, é absolutamente estranho que num concelho onde o PS tem sido uma verdadeira nulidade, com resultados miseráveis e sem constituir, nunca, uma verdadeira oposição, estas eleições tenham tido o resultado que tiveram.

    Os militantes (quase todos) estão satisfeitos com o "status quo"? Serão masoquistas? Ou houve mesmo batota?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um belo comentário. A que só faltou a assinatura.

      Eliminar
    2. Arrulho, concordo comparte do seu comentário, mas não creio que estes comentários fujam para tema diverso. Seria inocente não achar que estas eleições não estão directamente relacionadas com as primárias.

      Eliminar
    3. O meu nome não é relevante, não sou natural nem resido no Concelho de Pombal.
      Apenas pela proximidade e por considerar que o vosso concelho é, politicamente falando, um caso de estudo costumo estar atento ao que se vai passando.

      E para isso, nada melhor que seguir o Farpas...

      Eliminar
    4. Claro que existe relação entre as eleições para a distrital e as primárias e é evidente que o resultado destas eleições foi influenciado pelo facto de um apoiar António Costa e outro o Seguro.
      Contudo, parece-me que o objectivo do post era realçar que em Pombal continuam a "gostar do mesmo"...

      Eliminar

O comentário que vai submeter será moderado (rejeitado ou aceite na integra), tão breve quanto possível, por um dos administradores.
Se o comentário não abordar a temática do post ou o fizer de forma injuriosa ou difamatória não será publicado. Neste caso, aconselhamo-lo a corrigir o conteúdo ou a linguagem.
Bons comentários.