10 de novembro de 2014

A Comédia de Deus

Já que estamos em maré de medalhas, fiz também a minha própria lista com base nos assuntos que marcaram o ano no Farpas. Escolhi dez categorias cujos nomes prestam homenagem à vigésima edição dos Caminhos do Cinema Português, que decorre em Coimbra de 14 a 22 de Novembro. Eis os premiados:

Medalha "Non, ou a Vã Glória de Mandar": Eleições no Agrupamento de Escolas de Pombal
Medalha "O Delfim": Pedro Pimpão
Medalha "A Aldeia da Roupa Branca": Gala da Pombal TV
Medalha "Adeus Pai" ou "O Rei das Berlengas": Homenagem a Narciso Mota
Medalha "Esquece Tudo o Que Te Disse": Ex-vereador António Pires
Medalha "O Pátio das Cantigas": Marcha Municipal
Medalha "Perdido por Cem..." ou "Tudo isto é Fado": Contas da ETAP
Medalha "Juventude em Marcha": JSD
Medalha "Gaiola Dourada":  Cagadeira do Cardal
Medalha "A Menina da Rádio": DG/AC

Agora a sério. Os meus prémios vão para o TAP, pela qualidade do seu "Romeu e Julieta", para o Leonel Mendrix, pela imaginação e irreverência, e para o Paulo Moreiras, pelo seu novo livro "Pão & Vinho - mil e uma histórias de comer e beber", que irá ser lançado no dia 29 de Novembro, sábado, pelas 18h, no Celeiro do Marquês. Não tenho medalhas. Fica o meu forte abraço.

4 comentários:

  1. Bons dias
    Afinal quem são os laureados de 2014?
    - Porque não agraciar o Sr. Araújo do banco pelos serviços prestados à juventude de Pombal enquanto dirigente do S Clube Pombal? tantas vezes transportou os atletas no seu carro, para o futebol e atletismo deixando os seus filhos em casa.
    - Após 1975, ano após ano, os recenseamentos pelas diversas freguesias foram efectuados por idealistas da democracia, gratuitamente, ainda, todos os anos de eleições eram chamados para as mesas, havia eleições ano sim ano não. Enquanto estas tarefas eram efectuadas sem qualquer remuneração foram sempre os mesmos a ser chamados, agora, que estas tarefas sociais são remuneradas chamam os amigos e ninguém se lembra deles.

    ResponderEliminar
  2. Haja alegria nos corações do povo que amanhã é o dia do Zé das Medalhas e o salão nobre vai estar cheio de gente polida e bem educada. Já agora pergunto... Que sentido faz estes Feriados Municipais ? Não era preferível acabar com isto e regressar o 1º de Novembro ? Esta data para muitas famílias era o dia do reencontro e a visita á memória familiar. O Dia do Município de Pombal é o dia de comer castanhas, receber ou assistir á entrega de medalhas e provar o vinho. Caro Amigo Diogo eu proponho que sejas um marco no Municipalismo Nacional e troques tu o dia do teu Concelho pelo 1º de Novembro. Tenho a certeza que com essa medida repunhas a justiça e tornavas mesmo este Concelho exemplo para todos os outros. Desculpem estar a tratar o Sr. Presidente informalmente, mas conheço-o deste a nossa adolescência e não consigo tratar amigos por Sr., nem por Dr. muito menos por sua Ex. Sr.Dr. Presidente

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ó Roque, você é um pândego. Envia ao Diogo uma carta de amor e poupa-nos as prosas abichanadas. És um fartote de rir.

      Eliminar

O comentário que vai submeter será moderado (rejeitado ou aceite na integra), tão breve quanto possível, por um dos administradores.
Se o comentário não abordar a temática do post ou o fizer de forma injuriosa ou difamatória não será publicado. Neste caso, aconselhamo-lo a corrigir o conteúdo ou a linguagem.
Bons comentários.