23 de fevereiro de 2015

Chamem os Bombeiros

Os corpos de bombeiros estão organizados numa estrutura hierárquica típica (tal como as forças de segurança e militar) que visa assegurar unidade absoluta de comando e níveis de autonomia e experiência/especialização claros. Neste tipo de estrutura as promoções são lineares em função da experiência e provas dadas e só em momentos muito conturbados (revoluções), em que a estrutura de topo é deposta, os elementos da estrutura intermédia saltam para o topo. Mesmo assim, nunca se viu um Furriel ser nomeado Chefe do Estado-maior.
Nos Bombeiros Voluntários de Pombal é normal um bombeiro de 3.ª classe! ser nomeado Comandante. Se querem maior exemplo do desnorte que vai naquela casa não procurem mais. O resto, que é muito, é consequência da falta de cultura de serviço público de alguns dirigentes, que ultrapassam sistematicamente os limites que lhe eram autorizados pela educação e pela dignidade que os cargos e a história da organização deveriam impor.

Sem comentários:

Publicar um comentário

O comentário que vai submeter será moderado (rejeitado ou aceite na integra), tão breve quanto possível, por um dos administradores.
Se o comentário não abordar a temática do post ou o fizer de forma injuriosa ou difamatória não será publicado. Neste caso, aconselhamo-lo a corrigir o conteúdo ou a linguagem.
Bons comentários.