28 de abril de 2009

E as medidas anti-crise

Nada. Só propaganda.
O meu camarada Adelino Mendes desafiou Narciso Mota a fazer um balanço da implementação das medidas, como prometido. Não saiu nada, disse que iam fazer…
Eis a apregoada gestão por objectivos no seu melhor!

23 comentários:

  1. Crise? qual crise , existe realmente crise ou ela é apenas a forma de se arranjarem desculpas de mau pagador?!!
    Existem de facto problemas na sociedade , graves , no entanto , a dita crise é geral , não é de pombal ou de Lisboa , é de todo o mundo.
    Mais uma vez vejo ou melhor leio , que em Pombal lamentávelmente so se vive bem é com a infelicidade ou insucesso do vizinho.
    No meu entender , independentemente de tudo , acho que o Sr. Presidente da Câmara de Pombal , Engº Narciso Mota está e continuará a fazer um belo trabalho , esta é a minha opinião quem a quer aceitar aceita.
    Cumprimentos e bom trabalho

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  3. 1ª Dar subsidios as colectividades que servem apenas para fazer uma festa anual, para convidar o presidente da camara para fazer campanha, e para a direcção jogar cartas. Nada melhor para não haver crise na altura do voto!

    ResponderEliminar
  4. Meu caro amigo anónimo, nem todas as associações se pautam por essa bitola, por exemplo a Associação do Louriçal, da qual sou corpo gerente, tem actualmente mais de 150 jovens a praticar desporto nas modalidades de Futsal, Ténis de Mesa e Karaté, recebemos subsidio da Camara, mas todos os anos temos de entregar relatórios permemorizados e documentos comprovativos das inscrições nas respectivas federações, portanto nada é feito á balda. Acho muito mau criticar sem conhecer as situações a ainda por cima escondidos na capa de anonimos.
    Acho que não custa nada as pessoas identificarem-se, pois só assim as suas opiniões podem ter alguma credibilidade.

    ResponderEliminar
  5. Ainda ninguém falou sobre os candidatos da CDU ao Município de Pombal. Segundo a Rádio Cardal, Alcides Simões será o candidato à Câmara e Adelino Leitão à Assembleia Municipal.
    Se, na minha opinião, Adelino Leitão seria um bom membro na Assembleia Municipal, já não o posso dizer em relação a Alcides Simões. A CDU está a perder peso, depois de há quatro anos ter apresentado o Adérito Araújo. Muito mau mesmo

    ResponderEliminar
  6. Caro roque, eu não me refiro a associações como essa de que é corpo gerente, mas sim aquelas que o sr. deve conhecer, e são muitas, que apenas servem para para absorver subsidios. Não sou contra os subsidios, sou sim contra os subsidios mal atribuidos, que tambem são muitos. Agora é verdade que há muita colectividade que merece os subsidios que recebe. Sou sim contra subsidios, que todos sabemos, são atribuidos com fins eleitorais, ou porque são da cor, e esse dinheiro é de todos nós!

    ResponderEliminar
  7. Congratulo-me por Pombal ter um blogue tão bonito e discutido. Sim, senhor. É sinal que a população da terra está atenta aos arbitrios cometidos por Narciso Mota e seus acólitos e que um dia os chamará à responsabilidade. Não precisava-mos era de ter engenheiros Marques,Nunos, nobre povo e afins, para agora ter-mos também um tal Roque. Sim! Sim! Há subsidios em tudo o que é terrinha para jogar cartas e caçar votos... Ou há dúvidas?

    ResponderEliminar
  8. Esse Roque é do Psd e deve ser daqueles que tambem anda a mamar da teta.

    ResponderEliminar
  9. Pedido de esclarecimento à mesa (ai que saudades, ai, ai, das velhas RGAs): o Farpas vai-se reduzir a orgão oficioso da candidatura do PS à Câmara de Pombal, como decorre do tecto do sr. Malho?

    ResponderEliminar
  10. Emenda: do texto do sr. Malho?

    ResponderEliminar
  11. Adelino Malho, boa noite.
    No outro dia chamei-te ordinarices.
    É o que me apetece agora.
    Quem referiu, na última Assembleia Municipal, aquilo que se está a fazer para ajudar as pessoas fui eu.
    Ficará em acta.
    Tu nada perguntaste.
    De duas uma. Ou não estavas na sala, ou eu falo baixo.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  12. Rodrigues Marqes não acha que está na altura de falar sobre as tendas.

    ResponderEliminar
  13. Mas, afinal. São tendas ou barracas?

    ResponderEliminar
  14. Deixe lá eng Marques depois das eleições eles é que vão ter de implementar as medidas anti crise do partido ou sobreviverão em tendas. aproveite eng com um patrocinador no toldo.

    ResponderEliminar
  15. O Sr. Eng. Malho continua a sua tarefa de Torquemada do Farpas. Escrever, como fiz, que não está certo usar o Farpas para propaganda eleitoral e que as questões procedimentais continuam a trair o Eng. Malho é insultá-lo? Na sua fúria censória, o Eng. Malho considera que qualquer comentário, mesmo correcto e fundamentado, desde que ataque a forma e não a substância dos seus textos, é para eliminar? Que conceito tão tacanho do debate e que visão tão restritiva da liberdade de expressão.
    O mais engraçado é que, a propósito do texto que assinalou o aniversário do blogue, editei um comentário muito mais contundente a propósito das tais questões procedimentais do Sr. Eng. Malho e esse comentário, estranhamente, não foi apagado pelo terrífico "administrador do blog". Sabem a razão? É que o Sr. Prof. Adérito Araújo, logo a seguir ao meu comentário, editou um seu, em que me saudou e me incitou a continuar a intervir no blogue. Ou seja, o Sr. Eng. Malho, para eliminar o meu comentário tinha também de eliminar o do seu colega da casa e a isso não se atreveu. No entanto, sempre que a seguir voltei ao tema, mesmo em termos muito mais brandos, o sinistro "administrador do blog" voltou a cortar tudo. Em termos de verticalidade e de coerência, fica tudo dito.
    Não conheço o Sr. Eng. Malho pessoalmente e nada tenho que me leve a persegui-lo, coisa que, aliás, nunca faria. Sei apenas que é líder da concelhia do PS e só o conheço das suas intervenções neste blogue. Mais nada. Por isso, faço um apelo aos outros da casa para que tenham uma conversa com o Sr. Eng. Adelino Malho e lhe expliquem que o seu procedimento é indefensável e não está, aliás, conforme à responsabilidade do cargo que ocupa e da posição que tem na sociedade e na vida da nossa terra. Para um democrata convicto e para um homem de bem nunca é tarde para dar a mão à palmatória. Ficávamos todos a ganhar. E, por todas as razões, muito mais o Sr. Eng. Adelino Malho do que eu, que não sou candidato a nada, a não ser a exprimir as minhas ideias, nem líder de ninguém, a não ser, ó santa insignificância, de mim próprio.

    ResponderEliminar
  16. Ó Engº,

    censurou um post porque o seu subscritor,embora anónimo, entende que utiliza o FARPAS como veículo de agitação e propaganda do PS de Pombal? Valha-nos Deus. Democrata a sério, responde, não censura.

    ResponderEliminar
  17. De facto, eu que até vou votar PS, não posso estar de acordo com isso.

    ResponderEliminar
  18. Aos anónimos,
    Excepcionalmente dirijo-me aos anónimos. Principalmente aquele que sistematicamente me ataca por questões procedimentais e outras, e a partir daí faz extrapolações que derivam para o ataque pessoal a coberto do anonimato.
    Abro esta excepção para dizer (infelizmente é preciso dizê-lo) que os membros deste blog têm iguais direitos e responsabilidade e comungam da missão, dos princípios e dos procedimentos estabelecidos (que são regularmente avaliados e corrigidos). E que na aplicação dos princípios e dos procedimentos existe uma grande liberdade e autonomia (como deve ser).
    Este projecto é sério, como tal existe a preocupação de o preservar e engrandecer. Por isso não pactuamos com ofensas e insultos. Sei que as ofensas e insultos são muito subjectivas e difíceis de avaliar, consequentemente os critérios serão sempre discutíveis.
    O que utilizo é o seguinte: grande complacência com as pessoas que assumem as opiniões e as criticas (mesmo quando sou o visado) e grande intransigência com os anónimos.
    Sim, é verdade que eliminei comentários, dirigidos à minha pessoa e a adversários políticos, porque os considerei ofensivos. É o meu dever.
    Este blog não tem por princípio fundamental a imparcialidade. Os da casa emitem as suas opiniões com total liberdade e respondem por elas. É o que faço. Quem não gosta não come ou mete na borda do prato. Aqui, não há a preocupação de agradar.
    Os comentadores têm (enquanto o merecerem) total liberdade de opinião. Assim o queiram …
    E já agora: por que só os anónimos é que têm queixas dos administradores do blog?

    ResponderEliminar
  19. Eu (a)cavava c/ os anónimos.

    Tone, mais 1 anónimo...

    ResponderEliminar
  20. Sr. Eng. Adelino Malho
    Não veja mosquitos na outra banda. Não o ataco pessoalmente. O que disse e mantenho é que o Sr. Eng., com o aproximar do período eleitoral e sobretudo a partir do momento em que foi escolhido o candidato do PS, não está a conseguir resistir à tendência de fazer aqui no blog propaganda eleitoral pura e dura.
    Ora, o "Farpas" pareceu-me, e certamente a muita gente, um projecto aberto e susceptível de gerar um debate diferente sobre os temas de Pombal. É certo que os da casa são pessoas de esquerda e os seus textos não podem deixar de o reflectir. Mas a última coisa que se pretenderia era fazer do blog uma caixa de ressonância do discurso político do costume e uma extensão dos debates da Assembleia Municipal. Ora, é isso que o Sr. Eng. está a fazer, sobretudo nesta fase. Quem lê o seu comentário acima, vê que o Sr. Eng. tem uma noção muito restritiva das virtualidades da existência dum blog como este. O seu ódio sem explicação aos anónimos, a sua inclinação censória e, deixe-me dizê-lo, o modo sempre muito ortodoxo e até preconceituoso com que debate qualquer tema, demonstram esta incapacidade para perceber o encanto da blogosfera.
    Quanto às avaliações internas de procedimentos e às ameaças de mais censura aos terríveis anónimos, não se amofine, homem de Deus. O mundo não vai acabar com as eleições do próximo Outono. Agora que entra o mês de Maio, e vem aí um fim-de-semana comprido, vá até ao campo, caminhe à beira do rio, descontraia-se um pouco, respire fundo e não se esqueça de que só vivemos uma vez. Olhe, vá beber um copo a Albergaria com o nosso amigo Rodrigues Marques e falem de petiscos, de futebol e das pernas da miúda que for a passar. Vai ver que na segunda-feira se sente muito melhor.
    Uma abraço amigo deste seu
    Anónimo

    ResponderEliminar

O comentário que vai submeter será moderado (rejeitado ou aceite na integra), tão breve quanto possível, por um dos administradores.
Se o comentário não abordar a temática do post ou o fizer de forma injuriosa ou difamatória não será publicado. Neste caso, aconselhamo-lo a corrigir o conteúdo ou a linguagem.
Bons comentários.